5 Funções que o cuidador de idosos não faz (não deve fazer)

A principal atribuição do cuidador de idosos é garantir o conforto e o bem estar da pessoa na terceira idade. Isso inclui uma série de tarefas relacionadas ao paciente e ao ambiente a sua volta. Mas isto não significa que o cuidador é um “faz tudo” em casa, confira o que não deve ser pedido a ele/ela.

O que o cuidador de idosos não pode fazer?

As funções do cuidador de idosos incluem, de forma geral, fazer pela pessoa assistida (o idoso) tudo o que ele mesma faria, no que tange ao autocuidado, não fossem as limitações impostas por sua condição de saúde.

SUA FAMÍLIA PRECISA DE UM CUIDADOR CONFIÁVEL AGORA? PODEMOS AJUDAR.

O cuidador é a responsável por prestar cuidados paliativos através da manutenção das atividades de vida diária do idoso, reportando seu trabalho através de ferramentas como o diário do cuidador gratuito da Acvida (clique para baixar).

Cuidador de idosos

No entanto, precisamos estar cientes de que há funções que o cuidador não faz, isto para não confundi-lo com outro profissional, nem colocar em risco a saúde da pessoa (idosa) que precisa dos cuidados.

Por mais que a gama de atividades do profissional cuidador de idosos seja ampla, ela não é um empregado doméstico nos serviços gerais, tampouco um enfermeiro.

Para sanar as dúvidas sobre o que pode ser designado o cuidador de idosos, apresentamos uma lista com 5 funções que o cuidador de idosos não faz.

Receitar ou indicar remédios e tratamentos

Entre as responsabilidades do cuidador de idosos está a alimentação, a higiene, a recreação e cuidados com a saúde do assistido. Entretanto, há limitações impostas ao profissional de acordo com o tipo de formação. 

Cuidador

Em outras palavras, embora o cuidador tenha noções básicas de saúde, esse conhecimento se aplica somente para observar sintomas de doenças comuns na terceira idade, ou para identificar situações de emergência e pedir por socorro. Não cabe diagnosticar, indicar ou receitar remédios, ou ainda ofertar medicamentos não prescritos.

O cuidador de idosos pode, contudo, acompanhar o paciente em exercícios físicos leves, em consultas médicas, na realização de exames e administrar medicamentos por via oral (devidamente prescritos). Tudo de acordo com a orientação de especialistas das áreas competentes, com a rotina preferencialmente especificada no Diário do Cuidador.

https://www.youtube.com/watch?v=7Zkg79nMmw4

Realizar procedimentos específicos da enfermagem

Com relação aos medicamentos e procedimentos do dia a dia, também há restrições. A aplicação de injeções, cuidados com feridas extensas, trocas de curativos em lesões profundas, por exemplo, são atribuições específicas dos profissionais de enfermagem. 

Cuidar de todos os serviços domésticos

Limpar a casa toda e lavar as roupas da família são algumas das funções que o cuidador de idosos não deve fazer, no vídeo abaixo conseguimos sanar a dúvida que muitas famílias tem sobre cuidador de idosos faz faxina.

https://youtube.com/shorts/9CSMH_WuyUA

Se porventura o idoso defecar/urinar na roupa, ou se sujar durante as refeições, o profissional do cuidado pode tomar a iniciativa de colocar as peças para lavar, quanto a isso não há problema. Da mesma maneira, se o idoso derrubar alimentos no seu entorno ou precisar de ajuda para manter a higiene do espaço onde circula, o cuidador pode e deve prestar auxílio.

Cuidadores

O problema é que muitas famílias acabam incumbindo o cuidador de tarefas que vão além das suas funções, e ao fazê-lo estarão retirando sua atenção da pessoa assistida .

Isso aumenta o risco ao paciente, por exemplo, de quedas, e pode descaracterizar o objetivo dos cuidados paliativos. O que impera nesse quesito é o bom senso e o pré acordado antes da contratação, afinal, o combinado não sai caro.

Servir os demais familiares ou visitas

Quando um profissional acompanha o idoso, ele pode preparar alimentos para garantir que as refeições aconteçam nos horários adequados. Isso faz parte da sua rotina de trabalho.

O cuidador de idosos é responsável pelos cuidados apenas do paciente assistido. Solicitar que o cuidador faça um cafezinho para uma visita, ou que cozinhe o almoço para toda a família, por exemplo, não faz parte de suas obrigações, bem como lavar toda a louça de um “almoção” de domingo.

Tal qual explicado no item anterior, é necessário separar as coisas para não sobrecarregar o profissional e comprometer a qualidade de vida do assistido.

Dúvida comum: Meu idoso passa a maior parte do tempo dormindo, posso aproveitar o cuidador para outras atividades neste período, como por exemplo lavar as roupas dos demais familiares?

Resposta: Se não fosse estritamente necessário manter um cuidador de idosos na residência, certamente a família não a teria contratado. Isto posto, mesmo quando o idoso não apresentar demandas diretas, haverão outras indiretas como a organização do ambiente, contagem de medicamentos, agendamento de consultas, dentre outras.

Passear com animais de estimação e cuidar das crianças

Em alguns casos, as famílias solicitam funções que o cuidador de idosos não faz, tais como levar os animais de estimação para passear, levar e buscar crianças no colégio, cuidar de bebês, dentre outras.

Mais uma vez, vale ressaltar que toda e qualquer atividade que não esteja focada no idoso prejudica a qualidade do atendimento prestado.

Detalhes pertinentes a cada situação podem ser pré acordados no contrato de trabalho, como já citado, sempre prezando pela razoabilidade.

Perguntas frequentes

Abaixo respondemos as perguntas enviadas por nossos leitores.

O que o cuidador de idosos não pode fazer? Quais tarefas não são responsabilidade do cuidador de idosos?

Além do que citamos acima, reforçamos que cuidador de idosos não faz faxina, não faz tarefas relacionadas a outros moradores da residência, não cuida de animais domésticos, nem de qualquer outra tarefa que não seja relacionada diretamente ao paciente.

Quais são as limitações das funções do cuidador de idosos?

Atividades a serem desenvolvidas por cuidadores de idosos referem-se aos procedimentos listados na Classificação Brasileira de Ocupações – CBO – código 5162, transcrita a seguir:

5162 -10 Cuidador de idosos – Acompanhante de idosos, Cuidador de pessoas idosas e dependentes, Cuidador de idosos domiciliar, Cuidador de idosos institucional, Gero-sitter. Descrição sumária: Cuidam de idosos, a partir de objetivos estabelecidos por instituições especializadas ou responsáveis diretos, zelando pelo bem-estar, saúde, alimentação, higiene pessoal, educação, cultura, recreação e lazer da pessoa assistida.

Quais são as atividades que devem ser realizadas por profissionais especializados, além do cuidador de idosos?

Citamos algumas abaixo:

  • Aplicação de medicamentos intravenosos ou intramusculares, por padrão um serviço restrito aos profissionais de enfermagem;
  • Execução de movimentos que tem elevado risco de causar lesões, como alguns exercícios que só podem ser executados por fisioterapeutas;

Dica Acvida: Precisando de ajuda para confeccionar um contrato de trabalho que dê segurança jurídica à relação entre família e cuidador? Conheça nosso Departamento Pessoal.