Banho em idosos
Banho em idosos
5 de junho de 2020
Transmissão do covid-19
Transmissão do Covid-19
9 de junho de 2020
Exibir tudo

Cuidando do cuidador

Cuidando do cuidador

Cuidando do cuidador para ele cuidar de quem você ama, este é o tema da postagem de hoje. Para o cuidador conseguir prestar seus relevantes serviços aos idosos incapacitados de realizar o autocuidado, é necessário que ele esteja bem psicológica e fisicamente.

Leia também:

Saúde do idoso

Pneumonia em idosos

Fisioterapia para idosos 

Envelhecimento saudável 

Iniciamos com este vídeo onde é colocada a importância do cuidado com os profissionais que trabalham com a saúde e o bem estar das pessoas, em especial dos idosos. 

Cuidar do cuidador, para ele/a ter condições de cuidador de seu ente querido.

Adriano Machado, fundador da Acvida Cuidadores

A família que recebe um profissional cuidador em sua residência deve se preocupar em oferecer a essa pessoa um ambiente saudável e entender se ele está em condições de exercer seu trabalho de forma produtiva e prazerosa.

Como cuidar do cuidador

Adriano Machado foi entrevistado no programa “Caminhos da Reportagem” da TV Brasil sobre o cuidador, suas rotinas, suas necessidades profissionais e pessoais, além dos cuidados excepcionais durante a pandemia do Coronavírus. Confira a reportagem na íntegra, vale a pena assistir:

Cuidados que o cuidador deve ter com si mesmo

Para fazer um bom atendimento e manter um bom clima (harmonia) com seu assistido (idoso), é necessário que o cuidador faça algumas perguntas para si todos os dias: 

  • Eu estou bem fisicamente?
  • Eu estou bem psicologicamente?
  • Estou me cuidando?
  • Como me envolver com o trabalho sem passar meus sentimentos pessoais para a pessoa assistida?

O estado fisiológico e psicológico de todos nós deve estar em harmonia. Para que possamos passar aos outros segurança, técnica e conhecimento é necessário que estejamos bem. A profissão de cuidador requer muita dedicação.

É um serviço por vezes cansativo e que acaba mexendo com o psicológico, afinal são pessoas que dependem de alguma forma de nossa assistência. É importante também que os profissionais assumam um momento de estresse físico ou psicológico para que sejam tomadas as devidas providências, para que não cheguem ao extremo, causando problemas maiores.

Cuidando do cuidador de idosos

Do ponto de vista da família, é necessário observar os seguintes pontos:

  • A alimentação deve ser fornecida ao funcionário
  • Todos os recursos necessários ao trabalho devem estar à disposição do cuidador (como EPIs, tipo máscaras e luvas)
  • Todas as atividades a serem executadas pelo profissional devem ser acordadas previamente (o combinado não sai caro)
  • Valorizar o empenho do profissional, reconhecendo seu esforço e elogiando sempre que possível
  • Ter atitudes positivas
  • Chamar sua atenção de forma discreta (particular) e pertinente (quando necessário apenas)
  • Saber se ele está bem consigo mesmo

Atenção: importar-se com o outro não é bajular ou oferecer concessões desnecessárias. Do ponto de vista do profissional, alguns pontos podem ajudar a evitar conflitos com os empregadores:

  • Cuidador: tenha atenção aos alimentos perecíveis e evite desperdícios;
  • Cuidador: saiba quais alimentos você tem a permissão para consumir, afinal, a geladeira é da casa do assistido;
  • Cuidador: o preparo deve seguir o gosto da família e não o seu;
  • Cuidador: comunique a falta de itens importantes para o seu trabalho e para o conforto de todos com antecedência, de preferência antes de acabarem;
  • Cuidador: use a água racionalmente, evite desperdícios;
  • Cuidador: evite guardar alimentos junto a produtos de limpeza. Pode haver contaminação, apresentando riscos à saúde de todos os moradores da casa.

Importância de gostar da profissão

É necessário gostar da profissão para ser cuidador?

O cuidador pode não gostar de determinados momentos, como a troca de uma fralda, mas deve fazer isto sempre com atenção e de forma profissional, pensando no ser humano que necessita de seus cuidados.

O vídeo abaixo foi gravado de maneira informal num dos lugares mais frequentados por idosos no Brasil: a praia de Copacabana no Rio de Janeiro.

Nele, Adriano Machado expõe uma questão que, muitas vezes, está na origem dos conflitos entre cuidadores e familiares.

Qual a função do cuidador de idosos?

Muitas famílias encontram dificuldades em separar as tarefas do cuidador das tarefas da casa, o que também é uma potencial fonte de conflitos. Sugerimos a leitura de nosso artigo sobre as atribuições do cuidador de idosos para esclarecer este tema.

Conheça a Abeci

A Associação Brasileira dos Empregadores de Cuidadores de Idosos (Abeci) tem mais conteúdo sobre este tema, não deixe de conferir.

Como resolver um problema

Você sabe a diferença entre autoridade e autoritarismo?

Escrito assim pode parecer óbvio, mas na hora de tratar com seus cuidadores pode ser mais sutil do que parece. Confira em detalhes e entenda o que pode fazer as pessoas lhe seguirem com boa vontade a admiração.

Assista e entenda como isso pode auxiliar no cuidado com seus assistidos. Enquanto uma família buscou entender o problema para que não voltasse a ocorrer, e reconheceu o esforço da cuidadora na manutenção da qualidade de vida da idosa que era assistida, a outra família perdeu a oportunidade de fazer o mesmo.

Editorial Acvida
Editorial Acvida
O Editorial da Acvida Cuidadores é feito por nossa equipe de conteúdo, que inclui especialistas em cuidados paliativos, em administração de equipes de cuidadores e jornalistas. Seu objetivo é trazer informações relevantes a todos os envolvidos no trato das pessoas incapacitadas de realizar o autocuidado. Reuniremos artigos médicos e científicos, publicações jornalísticas relevantes, recomendações e entrevistas com especialistas, relatos de pessoas que passaram pela experiência de cuidar de um ente querido, enfim, tudo o que possa ajudar nossos leitores a trazer qualidade de vida para idosos, familiares e cuidadores.

1 Comment

  1. […] também: Qual o valor de um cuidador de idosos / Cuidando do cuidador / Saúde do idoso é coisa […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *