Dama de companhia para idosos
Dama de companhia para idosos: não contrate antes de ler
15 de fevereiro de 2021
Recuperação de cirurgia
Recuperação de cirurgia: o idoso passou por uma cirurgia, e agora?
19 de fevereiro de 2021
Exibir tudo

12 Hábitos que evitam demência

Hábitos que evitam demência

Quase metade de todos os casos de demência poderiam ser evitados ou adiados com a adoção de conhecidos hábitos que evitam demência. Segundo especialistas, minimizar esses 12 riscos poderia prevenir ou atrasar até 40 por cento dos casos de demência em todo o mundo.

Quando possível, combine esses hábitos para obter o máximo benefício para o cérebro e o corpo. Comece agora: nunca é tarde ou cedo demais para incorporar hábitos saudáveis.

Leia também:

Como cuidar da saúde da pessoa idosa na terceira idade?

Confusão mental em idosos: informações relevantes para familiares e cuidadores

Saúde mental do idoso durante a pandemia: o que familiares precisam saber

Mal de Alzheimer: 5 Dicas para lidar com os idosos

Vamos aos hábitos que evitam demência?

Inclusão de atividade física na rotina do idoso

A atividade física aumenta o fluxo sanguíneo para todo o corpo, incluindo o cérebro. Isso pode ajudar a manter sua memória nítida. Se você não tiver tempo para um treino completo, faça algumas caminhadas de 10 minutos ao longo do dia ou troque elevadores por escadas.

Cuidar da saúde mental é um dos hábitos que evitam demência

Assim como a atividade física ajuda a manter o corpo em forma, as atividades estimulantes mentais ajudam a manter o cérebro em forma e podem evitar a perda de memória.

Faça palavras cruzadas. Jogue cartas (como bridge). Faça rotas alternativas ao dirigir. Aprenda a tocar um instrumento musical. Seja voluntário em uma escola local ou organização comunitária como a Nova Acrópole Brasil.

Interação social do idoso

A interação social ajuda a evitar a depressão e o estresse, que podem contribuir para a perda de memória. Procure oportunidades de se reunir com entes queridos, amigos e outras pessoas – especialmente se você mora sozinho. Dentre os hábitos que evitam demência, combater o isolamento social é um dos mais importantes.

Anotações do idoso

É mais provável que você esqueça as coisas se sua casa estiver bagunçada e suas anotações estiverem bagunçadas. Anote tarefas, compromissos e outros eventos em um caderno especial, calendário ou planejador eletrônico.

Lembre-se: é impossível ser organizado no trabalho mas não em suas coisas particulares: a vida é uma só.

Sono do idosos

O sono desempenha um papel importante em ajudá-lo a consolidar suas memórias, para que você possa relembrá-las no futuro. Faça dormir o suficiente uma prioridade. A maioria dos adultos precisa de sete a nove horas de sono por dia.

Controle da ingestão de álcool

Uma dieta saudável pode ser tão boa para o cérebro quanto para o coração. Coma frutas, vegetais e grãos inteiros. Escolha fontes de proteína com baixo teor de gordura, como peixe, feijão e aves sem pele. O que você bebe conta também. Muito álcool pode causar confusão e perda de memória. O mesmo pode acontecer com o uso de drogas.

Parar de fumar

Obviamente, fumar é extremamente prejudicial à saúde e a fumaça do cigarro também contém neurotoxinas que aumentam o risco.

Cuidar de doenças crônicas

Siga as recomendações de tratamento de seu médico para condições médicas, como depressão, pressão alta, colesterol alto, diabetes, obesidade e perda auditiva. Quanto melhor você cuidar de si mesmo, melhor será sua memória. Além disso, revise seus medicamentos com seu médico regularmente. Vários medicamentos podem afetar a memória, e evitar a automedicação é um dos hábitos que evitam demência.

Conhecimento básico

Enquanto você come muitos vegetais e fica de olho na pressão arterial, não se esqueça de que uma parte importante da proteção da sua saúde cognitiva é aproveitar a vida e ter hábitos prazerosos.

Misturar rotinas, assumir novos desafios e sair de sua zona de conforto fornecem estímulos que podem ajudar seu cérebro a manter sua resiliência e construir suas reservas cognitivas.

Fatores de risco da demência

Conheça seus fatores de risco: não existem medicamentos ou procedimentos que possam curar ou mesmo tratar eficazmente a demência. Mas você tem o poder de combater alguns de seus principais fatores de risco, como os citados ao longo deste artigo.

Excesso de cafeína

A cafeína consumida tarde demais pode perturbar o sono e, por fim, prejudicar o cérebro. Mas o café consumido de manhã e talvez no início da tarde, dependendo de sua sensibilidade pessoal à cafeína, pode reduzir o risco e está entre os hábitos que evitam demência.

Ter uma vida ativa

Se você está aprendendo novos passos, também está aumentando sua aptidão intelectual. A dança, por natureza, é divertida, o que ajuda a diminuir o estresse. Ter um hobby é muito saudável.

Editorial Acvida
Editorial Acvida
O Editorial da Acvida Cuidadores é feito por nossa equipe de conteúdo, que inclui especialistas em cuidados paliativos, em administração de equipes de cuidadores e jornalistas. Seu objetivo é trazer informações relevantes a todos os envolvidos no trato das pessoas incapacitadas de realizar o autocuidado. Reuniremos artigos médicos e científicos, publicações jornalísticas relevantes, recomendações e entrevistas com especialistas, relatos de pessoas que passaram pela experiência de cuidar de um ente querido, enfim, tudo o que possa ajudar nossos leitores a trazer qualidade de vida para idosos, familiares e cuidadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preciso de um Cuidador